Top 5 comerciais da Nike

 

Enquanto a nova geração publicitária aposta quase todas as fichas que o futuro da profissão está na internet e nas suas queridas mídias sociais, a Wieden + Kennedy mostra com a Nike como a “velha mídia” pode ganhar destaque e continuar sendo a menina dos olhos do anunciante. Assim, o sucesso no Twitter, Facebook e outras redes virão naturalmente.

marca nike

Considero os comerciais da Nike um dos principais cases para continuar acreditando na publicidade tradicional, desde a idéia e o roteiro sejam os reis da produção. Estava planejando fazer a minha lista dos melhores comerciais, mas um blog francês chegou na frente e apresentou a sua lista. Por isso, vou fazer o top dessa lista, que concordo, apenas mudaria algumas posições.

1- Write the future

A Nike pode ser considerada a “Pixar da publicidade”, mas este ano ela e os criativos da W+K conceberam a sua obra prima. Como não se envolver com uma verdade universal em época de Copa do Mundo: um lance pode reescrever a sua história, graças aos seus pés. O material está fazendo tanto sucesso que está dando de goleada na sua rival Adidas: Messi , Zidane e Cia conseguiram “apenas” 170.000 mil views com o Fast VS fast contra os 7 milhões de Cristiano Ronaldo, Rooney e o até excluído Ronaldinho Gaúcho. Contra números, não há argumentos. E a direção de Alejandro Iñarritu (Babel) também não.

2- Torneio Secreto

Esse comercial passava na MTV e sempre parava tudo o que estava fazendo para assistir aos trechos do campeonato onde os astros disputaram o inusitado torneio de “golzinho” dentro de uma jaula. Quando passava o vídeo completo, era diversão garantida. Inesquecível. Na época, o site da Nike disponibilizava o download do game inspirado na campanha.

3- Take it to the next level

Que tal o diretor filmar em primeira pessoa e você se sentir o protagonista da história? Guy Ritchie foi lá fez.

4- Olé

Em 2004, a marca resolveu colocar os seus maiores patrocinados em um duelo de dribles. Apesar da dublagem bizarra na voz de Roberto Carlos, mas um show para os fanáticos por futebol.

5- Joga Bonito

Esta campanha representou a inserção oficial da marca nas redes sociais, com a criação aqui no Brasil de uma espécie de Orkut para os fãs de futebol.

Menção de honra: Soccer freestyle

A Nike já tinha veiculado o Basketball Freetyle. Porque não fazer o mesmo com os jogadores do esporte mais popular do planeta?

É por esses e outros motivos que a Nike é uma marca que está nos corações e mentes de milhões de pessoas ao redor do mundo, ao deixar claro o seu posicionamento e oferecer, além disso, diversão de primeira nos intervalos comerciais e na web. Lembre de mostrar isso para o seu cliente para ver se ele se inspira na vírgula que vale mais que um milhão de palavras.

pixel
The following two tabs change content below.

Caio Costa

Editor-chefe at Blogcitário
Publicitário, Diretor da Orfeu Comunicação e editor-chefe do Blogcitário, seu blog de publicidade.
 
 

Comentários no Facebook

15 comentários

  1. Um dos melhores posts até agora. Caramba, fiquei bestão vendo os vídeos, principalmente o 1º e o 6º.

     
  2. show, no 4º video a “voz estranha” é pq ele zoa os portugueses, imitando seu sotaque

     
  3. a nike faz belos videos, so que os produtos nao sao muito de qualidades, adiquiri um produto deles e deu defeito de fabrica e eles nao querem resolver meu problema.
    fico muito triste com isso uma marca dessas pensei que o consumidor tivesse mais credibilidade.

     
  4. A nike faz muito susesso

     
  5. o comercial 6 me lembra o filme todo mundo em panico 2 hahaha a cena do cara da cadeira de roda girando de ponta cabeça !!!

     
  6. Igor, o último carioca nerd
     

    Tem um comercial raro que eu nunca consegui achar. Foi feito em 2002 em homenagem ao Brasil pela copa do mundo e com crianças de diversas cidades explicando suas características que as fazem “melhores do mundo”.

    Se alguém lembra e tem o vídeo seria ótimo vê-lo de novo.

     

Deixe um comentário

 

 

 

© Blogcitário - o seu blog de Publicidade, marketing, viral e guerrilha. Todos os direitos reservados.

Rodando sob Wordpress. Layout e Programação por Hilder Santos.

Follow @blogcitario