Big Brother Brasil e a publicidade

 

Hoje se encerra mais uma edição do Big Brother Brasil. Você pode odiar o programa, mas se for publicitário, tem que reconhecer a gigantesca exposição que uma marca pode ter. Com as provas do líder patrocinadas, especialmente as de resistência, a marca oferece diversão ao mesmo tempo que fixa a marca na mente dos telespectadores.

bigbrother101

Como é um reality show, os participantes podem falar o que quiser, inclusive das marcas que consomem. Criaram até um site para medir quantas vezes uma empresa foi mencionada na “casa mais vigiada do Brasil”. Isso pode ser uma grande armadilha, como aconteceu na edição passada, quando uma concorrente da patrocinadora foi elogiada pelos brothers.

Mas essa edição houve certa evolução na inserção das marcas. A prova do líder da Fiat Linea misturou on line e off line e gerou muito boca a boca pela internet, onde os telespectadores tinham que acessar o hotsite da montadora e decidir por quais dificuldades os brothers passariam. Isso resultou a tag #fiatlinea entre os TT do Twitter.

Outro caso bem sucedido foi a última prova do líder, onde a Super Bonder demonstrou ao vivo que precisou de apenas algumas gotas do produto para levantar um carro a dez metros de altura e os moradores da casa.

Mas nem tudo são flores, pois esses foram as exceções durante os três meses de programa. A maioria dos patrocinadores viu seus produtos em verdadeiras saias justas e uma marca de tênis sequer foi mencionada por Bial, como relatou esse post.

Acredito que, com planejamento e criatividade, dá para uma marca ser bem vista dentro do Big Brother. Vamos continuar observando se na próxima edição Boninho e equipe tem mais idéias para os jogadores não serem apenas os únicos a receberem uma espiadinha.

pixel
The following two tabs change content below.

Caio Costa

Editor-chefe at Blogcitário
Publicitário, Diretor da Orfeu Comunicação e editor-chefe do Blogcitário, seu blog de publicidade.
 
 

Comentários no Facebook

5 comentários

  1. Numa edição anterior, Boninho se referiu ao BBB como uma “máquina de ganhar dinheiro”. As cotas de patrocínio vendidas antecipadamente renderam tanto aos cofres da Globo que, mesmo que o programa fosse um retumbante fracasso de audiência, ele ainda daria um belo lucro para a emissora.

     
  2. Ainda bem que não sou publicitário! Se tivesse que assistir o BBB como um exercício ou exemplo para quem trabalha na área eu seria uma pessoa extramamente infeliz.

    E que ótimo que vai chegar ao fim hehehhe!

     
  3. Rodney Nilson
     

    Vc não precisa assitir todos dia. Basta saber que existe a alternativa e manter-se atualizado. Mas tem umas provas que me levantam a dúvida quanto às associações feitas à marca, a exemplo: a prova de resistência à condições do tempo da Fiat; pareceu mais tortura do que algo desafiador…

     
  4. Bom, essa é uma grande verdade, o BBB é uma máquina de fazer dinheiro. Mas eu me pergunto, será que em países mais desenvolvidos onde a massa tem mais cultura BBB seria uma boa ferramenta de comunicação?

     
  5. julio cesar
     

    desejo saber onde comprar o super bonder que foi usado na prova do big bhother

     

Deixe um comentário

 

 

 

© Blogcitário - o seu blog de Publicidade, marketing, viral e guerrilha. Todos os direitos reservados.

Rodando sob Wordpress. Layout e Programação por Hilder Santos.

Follow @blogcitario