Sessão Nostalgia: Cachorro da Cofap

 

Além de ter colocado o garoto Bombril na história da propaganda brasileira, a W/Brasil é responsável por tornar inesquecível um mascote de uma empresa: o cachorro da Cofap. O animal da raça Teckel ou Dachshund tornou-se a cara da Cofap em 1989 graças a Washington Olivetto e sua equipe, que ligaram a aparência do cão aos amortecedores anunciados.

Segue abaixo um dos comerciais mostrando os melhores momentos das outras campanhas que envolveram o cãozinho.

Saiba mais alguns detalhes envolvendo a criação do personagem neste post.

Blog Widget by LinkWithin
The following two tabs change content below.

Caio Costa

Editor-chefe at Blogcitário
Publicitário, Diretor da Orfeu Comunicação e editor-chefe do Blogcitário, seu blog de publicidade.
 
 

Comentários no Facebook

9 comentários

  1. Eu tenho um Cofap em casa hehehe

     
  2. Nossa, estas propagandas parecem que foram ontem!!! Muito bem boladas!!!

     
  3. Eu tbem… adoro ele, vive como gente, dorme na cama debaixo das cobertas, pede quando quer sair (fazer as necessidades rsrs) e foge do banho sempre. tem até orkut kkk

     
  4. eu enchia o saco para ter um cachorro dessa raça quando era moleque por causa dos comerciais…

     
  5. Vamos pesquisar melhor, pois parece que a história é diferente: o Abraham Kasinsky (na época dono da COFAP) é que teve essa idéia, e o Washington Olivetto (da WBrasil, com o qual tinha contrato de publicidade) primeiramente não aceitou a idéia do cliente, achando que não iria funcionar. Kasinsky insistiu tanto que o Olivetto acabou fazendo a propaganda com o cachorro. E acabou se tornando autor da peça publicitária.

    Olivetto já fazia publicidade para a COFAP desde recém-formado, quando trabalhou em uma agência de um amigo do Kasinsky, que só tinha mais 2 clientes além da COFAP.

    Na biografia do Kasinsky tem essa história detalhada, mas no Google Books faltam várias páginas desse livro.

    Esse Kasinsky vendeu sua participação na COFAP em 1997 (http://www.terra.com.br/istoe/economia/145018.htm), aposentou, não aguentou ficar parado, e então comprou uma fábrica de motos em Manaus que estava à venda(parece que era terceirizada da Suzuki) e batizou com seu sobrenome, trocando só o Y por I (Kasinsky -> Kasinski).

     
  6. Esse cãozinho e a cara dos anos 80 heheeh!!

     
  7. Valderes Zimmer
     

    Demorei pra caramba para encontrar este comercial. Poxa Blogcitário. podia facilitar a nossa vida e colocar uma campo de busca, caso já tenha, podeia coolocar a busca em um lugar visível.
    Fica a dica.

     

Deixe um comentário

 

 

 

© Blogcitário - o seu blog de Publicidade, marketing, viral e guerrilha. Todos os direitos reservados.

Rodando sob Wordpress. Layout e Programação por Hilder Santos.

Follow @blogcitario