O Aprendiz 6: demissão em dupla

 

No episódio anterior, Justus quase chora ao demitir a jovem Maytê, após da derrota na prova da sucata.

Neste episódio, Roberto Justus deu fim às equipes Best e Maxxi. Os seis candidatos ao prêmio deveriam trabalhar em duplas e elas foram definidas por sorteio. Além disso, não haveria líder. Todo mundo poderia tomar decisões em conjunto com seu parceiro.

As duplas Karina e Rodrigo, Mariana e Ana Paula e Marina e Stephanie receberam como missão multiplicar os R$ 5 mil que cada dupla recebeu do programa. Ou seja, as duplas deveriam mostrar o seu espírito empreendedor para aumentar essa grana.

Karina e Rodrigo optam por oferecer serviço de web design, serviço que não depende de muito investimento do capital, mas que se mostra arriscado, pois só na metade do segundo dia da tarefa que eles começaram a receber encomendas de criação de sites.

Já Mariana e Ana Paula decidiram vender jóias. As meninas conseguem quase R$ 59 mil em produtos feitos em consignação (sem investimento do capital). Dessa forma, Mariana estava muito confiante de que ganharia essa prova facilmente, ainda mais depois de venderem tanto em salões de beleza voltado para o público classe A.

Marina e Stephanie, talvez por observar o favoritismo das outras equipes, decidiram investir pesado em diversos produtos, desde notebooks a kits esportivos do São Paulo, que jogaria uma grande partida naquela noite.

Após Karina e Rodrigo receberem as suas encomendas e o estudante informar por quanto vendeu com site, a edição mostrou que decisão sobre o vencedor seria disputada. Na hora de anunciar a dupla vencedora, a grande surpresa: quem levou foi a dupla mais improvável, Marina e Stephanie. Mesmo com todo o bate boca entre elas, conseguiram superar os favoritos e viajam para Londres. Na terra da rainha, as “melhores amigas ever” curtiram os pontos turísticos da capital inglesa.

3547884546 05471ffa01

Na sala de reunião, Ana Paula, Mariana, Karina e Rodrigo tiveram que se defender das observações. O antes favorito Rodrigo era o mais ameaçado, por causa da sua tendência em focar apenas na sua habilidade em internet. Justus enfatizou nessa questão, pois o estudante só se agarrou na sua habilidade em prova com tantas alternativas de empreendimento. Já Karina, apesar de ser apontada pelos outros três como uma possível vencedora, foi a escolha do conselheiro Forner por concordar com o fracasso da estratégia em vender apenas sites.

20095191842 87506

Depois do blá-blá-blá de sempre, Roberto teve que escolher as duas pessoas que seriam demitidas: Rodrigo Carraresi, por não mostrar mais habilidades além da web e Mariana Marinho, por admitir em outra edição que não era muito criativa.

PS1: Apesar de ganharem esta prova, ainda acho Marina e Stephanie não mereciam estar na final, pelo “conjunto da obra” das duas no programa.

PS2: A dupla mais forte, Karina e Rodrigo, decepcionaram. Os dois não conseguiram demonstrar a competência de antes, principalmente Rodrigo. A edição mostrou o desânimo dele diante da dificuldade em colocar o seu talento em prática para ganhar prova. E Justus parece que está de olho na queda de rendimento da loira. Agora a vencedora do programa não tem uma franca favorita.

PS3: Mesmo com esta queda de rendimento, Karina é a minha aposta para faturar este emprego, seguida da aprendiza de Paris Hilton Ana Paula, Marina e por último a aprendiza de Deborah Secco, Stephanie.

PS4: Impressionante ver Marina e Stephanie vendendo na rua notebooks, câmeras digitais e alguns itens de grande valor de forma tranquila e à noite. Se a produção não levou seguranças para elas, bato palmas para a coragem das duas.

Se você assistir como foi a prova, clique aqui.

pixel
The following two tabs change content below.

Caio Costa

Editor-chefe at Blogcitário
Publicitário, Diretor da Orfeu Comunicação e editor-chefe do Blogcitário, seu blog de publicidade.
 
 

Comentários no Facebook

8 comentários

  1. Realmente esse episódio me surpreendeu!
    Concordo plenamente com o fato de que nem a Stephanie nem a Marina mereciam chegar tão longe e também concordo que a superioridade de Karina e Rodrigo falhou, o que foi determinante na escolha e na decepção do Justus.
    Sinceramente, eu fiquei chocada com a demissão do Rodrigo. Acredito que a cada sala de reunião, deve ser observada a trajetória de cada participante, realmente nesta sala estavam apenas os fortes, o Roberto realmente não tinha muita opção, afinal, nesta prova a Ana Paula se saiu bem e a Mariana pensou que suas frases feitas iriam soar bem aos ouvidos do “Todo Poderoso”, ocorreu o inverso…

    Achei sensacional a postura do Rodrigo diante da derrota. Desde o início da sala ele percebeu que sua batata estava assando e reconheceu isto com serenidade, admitiu seus erros, assumiu sua culpa e ainda pediu um abraço ao Roberto Justus..rs

    Se a Karina não for a vencedora, realmente não sei mais quem será…

     
  2. Juliana Silveira
     

    Colocar dinheiro em risco é mais “inteligente” do que gerar lucro sem precisar colocar dinheiro em risco?! E pior, sem foco nenhum, sem diferencial nenhum… Se fosse na vida real elas iam passar o resto da vida vendendo muamba na rua?! Isso é empreendedorismo?! Só porque trabalharam a mais sem comer nem dormir?! Isso é coisa de gente que não usa a cabeça! Ai tem mais é que ralar mesmo que nem peão, pois de outra forma não ganhariam. Julgar o resultado dessa prova pelo resultado numérico foi absurdo! Demitir a Mariana e o Rodrigo foi absurdo! Tenho certeza que o Justus vai se arrepender dessa decisão em breve. Só lamento.

     
  3. Eu, sinceramente, não consigo enxergar um vencedor para este programa, pois os candidatos que restaram são muito fracos. Acredito, inclusive, que a Karina não seja uma candidata tão boa como pareça. Ela ganhou sim muitas provas, mas nunca foi protagonista das mesmas, ao contrário, por exemplo, do Rodrigo. Meus candidatos eram o Rodrigo e a Maytê pela inteligência e criatividade, que só saiu pelo histórico das provas,quando teve o azar de estar na equipe mais fraca. Ou vai me dizer que a Stephanie, a Ana Paula e a Marina são melhores profissionais do que ela? Eu não acho.

     
  4. Realmente me surpreendeu a vitória das duas. É o primeiro Aprendiz que assisto e para mim é tudo novo ainda.
    Mas também vi que, apesar delas terem ganhado essa prova, foi um pouco injusto.
    Não que elas sejam ruins, mas muitas pessoas maravilhosas passaram por lá e foram demitidas.
    É, vamos ver aonde isso vai dar! *-*

     
  5. Me decepcionou a escolha da dupla vencedora! vender rifas e produtos avulsos sem planejamento nem objetivo comercial não é empreendedorismo!
    Acredito que a valiação de Justus não foi nada profissional! No mercado real não há espaço nem grandes perspectivas pra quem com um capital de 5 mil reais decide por empregar o dinheiro de maneira desorganizada e simplória! Qualquer um com uma noção básica de riscos, ameaças, planejamento, criatividade e profissionalismo sabe que nenhum destes conceitos de aplicam ao que Marina e Stephanie fizeram! querem conquistar seu espaço no mercado vendendo rifas?? isso não é investir e confiar em seu pontencial de trabalho, gerando lucro é pedir ajuda pelas ruas!!

     
  6. Jornal de * antecipa finalista?

    Re: Retirei o link, pois eu não gosto de spoilers e acredito que a maioria dos leitores tbm não.

     
  7. Não entendo como o Roberto demitiu o Rodrigo. Na minha opnião ele foi o mais competente desde o inico, destacou-se tanto na área de liderança tanto quanto não estava nessa posição, e convenhamos que pra isse resultado o rapaz não podia ser um mero nerd da informatica.
    Acredito que ele se perdeu na reunião quando não conseguiu expor todas suas qualidades.

     

Deixe um comentário

 

 

 

© Blogcitário - o seu blog de Publicidade, marketing, viral e guerrilha. Todos os direitos reservados.

Rodando sob Wordpress. Layout e Programação por Hilder Santos.

Follow @blogcitario